Semana de Avaliações está chegando

A Semana de Avaliações está chegando e você já está preparado?

A melhor maneira de ter sucesso nas avaliações é a continuidade dos estudos. Ou seja, cultivar o hábito de estudar todos os dias em um determinado horário. Assim, o conteúdo não acumula e você fica tranquilo para fazer ótimas provas.

Confira o calendário de avaliações e programe-se:

=> Cronograma de Avaliações 2018 1ª etapa .pdf


Saiba como se dar bem no final do ano, começando a estudar agora!

Aula dada é aula estudada – e desde já. A ideia aqui é não deixar a matéria acumular. Nossa memória tem curto prazo depois de uma aula. Então, se você demorar muito pra rever o que foi ensinado, corre o risco de ficar com aquela cara de “como é que é aquilo lá mesmo?” na hora da prova. Então, o roteiro é simples:

1. Prestar atenção na aula e não ter medo de perguntar caso fique com dúvida.

2. No mesmo dia, em casa, revise o conteúdo que foi dado em classe para fixar melhor na cabeça. Passe as aulas a limpo no caderno, leia novamente os materiais. É como se a matéria entrasse melhor no HD do seu cérebro, sabe?

3. Não deixe de fazer sua lição de casa. Ao contrário do que você possa pensar, ela não é um método chato que o professor usa para controlar a sua vida. Ela serve para ajudá-la a entender melhora matéria. Mas olha só: a tarefa não substitui o estudo diário. Ela é uma atividade que complementa o processo de aprendizado, entendeu?

4. Se fizer isso diariamente, você não precisa estudar feito doido antes da prova, nem perder uma noite de sono com a cara nos livros. Aliás, o dia anterior à prova é um momento de relembrar o que já foi visto. Tentar “aprender” tudo hoje pra fazer a prova amanhã não é nada produtivo.

5. Estudar em grupo de vez em quando pode ser uma ótima ideia, pois vocês trocam informações e um pode ajudar o outro.

6. Sua agenda – atualizada – deve ser sua melhor amiga. Afinal, são muitas as matérias e atividades que você tem no dia a dia. Não precisa confiar somente em sua memória se tiver onde anotar o que precisa estudar ou o que já foi visto. Faça listas, use cores de caneta diferentes, post-it, marca-texto. Se preferir usar a tecnologia, há inúmeros apps de agenda para celular, tablet e computador. Além disso, algumas escolas têm o portal do aluno e também é importante consultá-lo, pois muitas vezes o professor pode dar orientações importantes por lá.

7. O local de estudo também faz parte da sua organização diária. É importante que você esteja sentado (resista à tentação de estudar deitado, ou você corre o risco de acabar cochilando) e com boa iluminação. Se possível, fique num lugar com pouco movimento. Se sua casa é sempre cheia, considere ficar sozinha no quarto ou, então, frequentar uma biblioteca.

8. Estabeleça um horário para estudar. Ok, sabemos que o dia a dia é corrido. Tem gente que faz curso de inglês, natação, teatro ou qualquer outra atividade extra. Mas é legal determinar um horário diariamente, para que isso faça parte da rotina. Não estamos dizendo pra você passar a tarde toda estudando. Mas é bom reservar, pelo menos, duas horinhas do seu dia. Não é puxado, vai.

Postagem AnteriorPrimeira reunião de pais: informações importantes e descontração
Próxima PostagemXI JOCKA - 2018
Autor

Colégio Elizabeth Kalil